Loading...

Total de visualizações de página

Postagens populares

Loading...

Olá

Sejam bem vindos esse blog foi feito para aqueles que são fãs de todos os gêneros, tanto anime, cartoons tokusatsus, live-actions, comics, hq's nacionais européias e até heróis que ninguém ouviu falar! Muita dessas matérias deve-se aos créditos de Wikipédia e do International Heroe que ajudou nas matérias, o objetivo é poder também facilitar o acesso a todos os fãs, mande também sugestões, desenhos, fanzines, para que assim possa estar postando!



Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

The Savage Dragon

http://graphics8.nytimes.com/images/blogs/themoment/posts/savagedragonobama.gif
Dados da publicação
Publicado por Image Comics
Primeira aparição Megaton #3 (Julho de 1986)
Criado por Erik Larsen
Características do personagem
Alter ego Kurr
Habilidades Força, resistência, e durabilidade sobre-humanas;
Regeneração espontânea.
Projecto Banda desenhada · Portal da Banda desenhada

The Savage Dragon é um personagem que possui uma revista de história em quadrinhos criado por Erik Larsen e publicado pela Image Comics. A revista que relata as aventuras de um agente super-herói da polícia de Chicago chamado Dragon. O personagem apareceu pela primeira vez em "Megaton #3" (Julho de 1986).

Dragon é um enorme humanóide verde que possui uma barbatana na cabeça cujos poderes incluem super-força, imunidade à fogo e um avançado fator de cura. Ele sofre de amnésia: sua memória mais antiga é a de despertar em um campo em chamas na cidade de Chicago. Sendo assim, durante a maior parte da série, seus poderes e aparência são um mistério para os leitores. No início da série ele se torna um oficial de polícia e enfrenta todo o tipo de super-monstros que aterrorizam Chicago.

Juntamente com Spawn, The Savage Dragon é o título que é publicado à mais tempo na Image Comics[carece de fontes?], e ainda hoje, a revista continua sendo escrita e desenhada por seu criador. O personagem também foi adaptado para uma série animada de 26 episódios que teve início em 1995.

Criação e Publicação
http://2.bp.blogspot.com/_Uhdt7UHnA3w/THWz6hRs-DI/AAAAAAAAB2A/OcDVNQEJ1qs/s1600/Savage+Dragon.jpg

Assim como muitos dos personagens de Erik Larsen, Dragon foi criado no colégio, enquanto Larsen ainda era uma criança. Ele é vagamente baseado na criatura de "The Black Lagoon", filme feito pela Universal Studios. Em sua juventude, Larsen desenhava histórias do Dragon e guardava em sua gaveta.

O Dragon original, inspirado por elementos do Capitão Marvel, Batman, Speed Racer e mais tarde, Hulk é muito diferente do que conhecemos. Depois de lançar "Savage Dragon" profissionalmente, publicando-o como um comic book, Larsen desenvolve o Dragon atual, reformulando os seus desenhos e inspirando-se em filmes policiais.

Muito depois, The Savage Dragon foi redesenhado magistralmente em duas edições de "Graphic Fantasy", um título próprio, publicado por Larsen e dois amigos. Nesta versão, Dragon era um viúvo e o membro aposentado de um time de super-heróis patrocinados pelo governo. Após isso, Dragon fez outra aparição na terceira edição de "Megaton", de Gary Carlson. Neste revista houve uma tira de "Vanguard" que Larsen aproveitou para inserir na revista. Nestas aparições, o caráter do Dragão permaneceu basicamente o mesmo das revistas "Graphic Fantasy", com alguns detalhes modificados (como a inclusão da esposa dele, que na última aparição estava morta). As edições de "Graphic Fantasy" e "Megaton" que continham conteúdo relacionado á Dragon foram re-lançadas como edições encadernadas de alta qualidade.

Em 1992, quando Larsen deixa a Marvel Comics para co-fundar a Image Comics, ele refez o personagem para fazer uma nova publicação. Desta vez Dragon era um sujeito bastante musculoso, amnésico e verde, que se juntou à polícia de Chicago depois de ser encontrado em um campo em chamas. Sendo lançado inicialmente com uma míni-série de três edições, "The Savage Dragon" teve uma ótima aceitação do público, fazendo bastante sucesso. Sucesso que fez com que a revista se tornasse uma série mensal, lançada em 1993.

Desde aquela época, Larsen continua escrevendo e ilustrando completamente a série e manteve um horário mensal razoavelmente consistente, - exceto por alguns atrasos ocasionais - comparado à outros títulos da Image Comics. Larsen produziu ocasionalmente algumas míni-séries e eventualmente permitiu que outros criadores produzissem histórias do Dragon (que foram transformadas em mini-séries), mas principalmente de outros personagens do universo de "The Savage Dragon", como Star, Vanguard, Superpatriota, entre outros.

Segundo Larsen, "a série é apontada a leitores mais antigos da Marvel que estão quase a ponto de desistir completamente dos quadrinhos. É uma fusão de Marvel e Vertigo. Mais maduro que Marvel e menos pretensioso que Vertigo. O tipo de quadrinhos que eu gosto de ler."

http://uatublog.blogs.uatu.net/files/2010/09/savage_dragon.jpg


História


Para a míni-série inicial e as primeiras 38 edições da série contínua, Dragon era oficial gigante da Polícia de Chicago em parceria com a policial Alex Wilde. Ele recebeu o nome de "Dragon", (devido à barbatana e pele verde) pela enfermeira Ann Stevens que se tornaria um personagem bem importante, mais para frente, em Mighty-Man.



Mini-Série

Dragon foi achado em um campo ardente pelo Tenente Frank Darling. Na ocasião, Chicago estava sendo aterrorizada por "super-monstros" de uma organização criminosa chamada o Círculo Vicioso, conduzido por um Chefe supremo misterioso. Ao perceber que os poderes de Dragon seriam de grande ajuda no combate ao círculo vicioso, Frank pede que Dragon se junte à polícia, mas Dragon se recusa.

Frank havia conseguido casa e emprego para Dragon no armazém de seu primo. Depois de vários incidentes sérios, inclusive o assassinato do super herói "Mighty-Man" e o espancamento brutal do "Super-Patriota", Frank paga à alguns capangas do Círculo Vicioso para ameaçar seu primo, na esperança de que Dragon sinta o problema de perto e se decida à ajudar a polícia. Embora o plano tenha dado certo, os criminosos "Skullface" e "Hardware", após serem presos, detonam uma bomba dentro do armazém. Fred Morre.

  1. Larsen, Erik. SavageDragon.com - FAQ (em inglês). Página visitada em 16 de maio de 2009. "My target audience is older Marvel readers who are about ready to throw in the towel on comics altogether. It's the missing link between Marvel and Vertigo. More mature than Marvel--less pretentious than Vertigo. The kind of comics I want to read. This book is REALLY self-indulgent.




Image Comics

ImageComicsLogo.gif
Fundada em 1992
País de origem Estados Unidos
Sede Local Berkeley, na Califórnia
Principais pessoas Todd McFarlane
Rob Liefeld
Jim Lee
Marc Silvestri
Erik Larsen
Jim Valentino
Whilce Portacio
Robert Kirkman
tipos de publicação de livros de banda desenhada, Livros
Imprints Entretenimento Highbrow
Shadowline
Skybound
Todd McFarlane Productions
Top Cow Productions
Imagem Central
Site Oficial imagecomics.com


Image Comics Estados Unidos é um editor de quadrinhos. Foi fundada em 1992 por ilustradores de alto nível como um espaço onde os criadores poderão publicar seus materiais, sem abrir mão dos direitos autorais dos personagens que criou, como propriedades de propriedade do criador. Foi sucesso imediato, e continua a ser uma das maiores editoras de quadrinhos nos Estados Unidos. Sua saída era originalmente dominado pelo trabalho dos estúdios dos parceiros da imagem, mas depois incluíram o trabalho por numerosos criadores independentes. Sua série mais conhecida incluem Spawn, Invincible, The Walking Dead, Witchblade, The Darkness, e Savage Dragon.

História
Fundadores
Painel na ComicCon 2007, sobre o 15 º aniversário da fundação da Image Comics. A partir da esquerda: Jim Lee, Todd McFarlane, Erik Larsen, Jim Valentino e Marc Silvestri, Rob Liefeld, e Whilce Portacio.

No início de 1990, vários ilustradores freelancer fazendo um trabalho para a Marvel Comics popular ficou frustrado com as políticas da companhia e práticas. Sua principal queixa era de que a obra de arte e novos personagens que eles criaram eram muito comercializada, com os artistas que receberam apenas as taxas de página padrão para os seus trabalhos e de royalties sobre as vendas modestas dos quadrinhos. [Carece de fontes?] Em dezembro de 1991, um grupo desses ilustradores abordado o presidente da Marvel Terry Stewart e exigiu que a empresa lhes dá a propriedade e controle criativo sobre seu trabalho. Contas variar conforme a quem este grupo incluía, mas é geralmente aceite que Todd McFarlane e Rob Liefeld estavam entre seus dirigentes. [Carece de fontes?] Marvel não atender suas demandas.

Em resposta, oito criadores [1] anunciou a fundação da Image Comics: ilustradores Todd McFarlane (conhecido por seu trabalho em Spider-Man), Jim Lee (X-Men), Rob Liefeld (X-Force), Marc Silvestri (Wolverine) , Erik Larsen (The Amazing Spider-Man), Jim Valentino (Guardiões da Galáxia), e Whilce Portacio (Uncanny X-Men);. e durante muito tempo Uncanny X-Men, Chris Claremont [2] Esta evolução foi apelidado de "X-odus", porque vários dos criadores envolvidos (Claremont, Liefeld, Lee, Silvestri e Portacio) eram famosos por seu trabalho na franquia X-Men. ações da Marvel caiu US $ 3.25/share quando a notícia se tornou pública [1].

Carta Imagem de organização teve duas disposições fundamentais: [3]

* A imagem não seria próprio trabalho de qualquer criador, o criador teria.
* Nenhum parceiro imagem poderia interferir - de forma criativa e / ou financeiro - com o trabalho de qualquer outro parceiro.

Imagem de si própria que nenhuma propriedade intelectual, exceto as marcas da companhia:. Seu nome e seu logotipo [4] Cada parceiro Imagem fundou seu próprio estúdio, que publicou sob o signo da imagem, mas era autônomo de qualquer controle editorial central. Claremont não era parte da parceria, e Portacio desistiu durante o estágio de formação para lidar com a doença de sua irmã, [5] Assim, a imagem original consistia de seis estúdios:

* Extreme Studios, de propriedade de Rob Liefeld
* Highbrow Entertainment, de propriedade de Erik Larsen
* Shadowline, de propriedade de Jim Valentino
* Todd McFarlane Productions, de propriedade de Todd McFarlane
* Top Cow Productions, de propriedade de Marc Silvestri
* Wildstorm Productions, de propriedade de Jim Lee

Desenvolvimento
Spawn # 1 (1992), a arte por Todd McFarlane

Image títulos iniciais foram produzidos através de Malibu Comics, uma editora pequena, mas simpática estabelecido com a posição da imagem sobre a propriedade criador. Malibu desde a produção administrativo, distribuição e suporte de marketing para o lançamento dos títulos iniciais. [2] [6]

Os primeiros livros de imagem de quadrinhos para chegar nas lojas foram Youngblood Liefeld, o Larsen Savage Dragon, Spawn McFarlane, e WildC.ATs Lee Impulsionado pela popularidade dos artistas e da avidez dos colecionadores de quadrinhos para entrar na "próxima grande coisa", esta série foi vendido em números que nenhum outro editor de Marvel, DC, ou Comics Valente tinha conseguido desde o declínio do mercado em 1970 . [carece de fontes?] (que a companhia experimentou sucessos menor com Cyberforce Silvestri, Shadowhawk Valentino, e Wetworks muito atrasados Portacio's.) [carece de fontes?] Dentro de poucos meses, o sucesso dos títulos da imagem 'levou a Malibu com quase 10% do Norte quadrinhos norte-americanos quota de mercado [7], brevemente superior ao da indústria gigante DC Comics. [8] No início de 1993, a situação financeira da imagem era seguro o suficiente para publicar seus títulos de forma independente, e deixou Malibu [9].

Alguns dos estúdios dos fundadores vieram a assemelhar-se editores separados, cada um com a série em curso vários em um universo compartilhado. (No começo, havia indicações de uma "imagem Universe" partilhada por todos os estúdios, mas estas diminuíram à medida que os estúdios desenvolveu seus próprios sentidos.) A utilização de freelancers para escrever ou ilustrar série que eram detidas pelos parceiros imagem levou a críticas de que alguns deles tinham reproduzido o sistema que eles haviam se rebelado contra, mas com eles no comando, em vez de uma corporação. [carece de fontes?] Imagem parceiros como Larsen e Valentino, que não adotar essa abordagem, assumiu uma posição neutra sobre ele, conformidade com a exigência de que nenhum deles tinha qualquer palavra em como os outros estúdios foram executados.

Alguns dos parceiros Imagem usada seus estúdios para também publicar trabalhos produzidos fora de seus estúdios, permitindo que os criadores para reter a propriedade eo controlo editorial sobre as séries, um acordo que foi, então, incomum entre os grandes editores. Estes incluíram Sam Kieth (The Maxx), Dale Keown (Pitt), [10] Jae Lee (Hellshock), ea equipe de Kurt Busiek, Brent Anderson e Alex Ross (Astro City). Mais tarde, algumas séries estabelecida auto-publicado também se mudou para imagem, tais como Bone Jeff Smith e Colleen Doran A Distant Soil.

Os parceiros tinham uma actividade pouco ou experiência de gestão, e muitas séries ficaram para trás sua periodicidade prevista. Encomendas [11] Varejistas de novos temas oferecidos eram tipicamente com base nas vendas de edições recentes, mas como as questões enviadas semanas e até meses tarde, o interesse dos fãs tendem a diminuir, deixando os varejistas com o inventário não vendido. Em resposta, os varejistas cortar os pedidos para reduzir seu risco. . Este significativamente prejudicar os estúdios, que estavam cada um responsável por seu próprio fluxo de caixa e rentabilidade [carece de fontes?] No final de 1993, os parceiros contratados independentes cartunista Larry Marder para atuar como "diretor executivo" para a editora [12]; Valentino brincou em entrevistas que o trabalho Marder estava literalmente a "dirigir os executivos" (ie os parceiros de imagem). Marder desenvolveu um melhor planejamento financeiro e tiveram algum sucesso na disciplina de criadores de entregar seu trabalho no tempo, em parte, ao insistir que as ordens de varejo para as novas questões não seriam solicitados até que os livros foram ilustrados, geralmente garantindo que estaria pronto para navio, quando prometeu . [carece de fontes?]
Witchblade # 80.

Pela série meados Imagem da década de 1990 como Spawn e Savage Dragon, mostraram-se como sucessos duradouros (antiga freqüentemente no topo das paradas de vendas para meses em que novas questões veio à tona), enquanto a nova série como Gen Wildstorm de ¹ ³, e Witchblade Top Cow's e The Darkness também foram bem sucedidos. Imagem se tornou a terceira maior editora de quadrinhos da América do Norte, superado apenas pela long-established líderes da indústria da Marvel e DC Comics. [Carece de fontes?]
Parcial break-up

Confrontos entre parceiros começaram a prejudicar a sociedade. Alguns dos parceiros reclamaram que Liefeld estava usando sua posição como CEO da imagem para promover e talvez até mesmo a apoiar financeiramente a sua própria editora independente máxima de Imprensa. [Carece de fontes?] Silvestri retirou da Top Cow de Imagem em 1996 (embora ele manteve sua parceria em da empresa), protestando que Liefeld estava recrutando artistas de seu estúdio, incluindo o muito popular Michael Turner (Witchblade). [carece de fontes?] Os outros cinco parceiros discutiram Liefeld expulsão da empresa, e Liefeld renunciou em setembro de 1996, dando a sua cota da companhia. [13] [14] Silvestri devolvida Top Cow à imagem.

logomarca da Wildstorm Cliffhanger, criada em 1998, foi um sucesso comercial, lançamento de venda de imóveis de alto-criador de propriedade de Humberto Ramos, J. Scott Campbell, Joe Madureira, e outros. No entanto, Jim Lee vendeu a Wildstorm da DC Comics em 1999, citando um desejo de trocar as suas responsabilidades como editora a oportunidade de fazer um trabalho mais criativo.
Diversificação
Um grupo de criadores não-fundadores Imagem em 2010 no New York Comic Convention (LR): Tomm Coker, Tim Seeley, McCool Ben, Zhang James, Nick Spencer e Ron Marz.

Os fundadores da Image eram famosos por sua arte, dinâmicas e extravagantes, e com personagens mal-traçadas histórias do gênero super-herói, e embora a empresa publicou trabalhos diferentes, muitos leitores vieram a perceber isso como o "estilo Image" dos quadrinhos . Valentino se tornou menos ativo como um criador depois de a empresa o primeiro poucos anos, e respondeu a este usando sua posição como parceira para procurar e publicar um número de títulos por outros criadores em gêneros muito diferentes e estilos, em uma tentativa deliberada para diversificar a produção da imagem e da sua percepção. Embora a maioria destas séries - ironicamente apelidada de "a linha não" por causa de sua falta de uniformidade - não vendeu bem e logo foram cancelados, eles introduziram um modelo de negócios cada vez mais importante para a empresa: oferecer outros criadores mesmas condições totais de propriedade, os parceiros gostava, mas tendo uma taxa fixa a partir da publicação para os custos administrativos da empresa. Esta prática foi posteriormente formalizada como uma função de "Imagem Central", a unidade de negócios independente de qualquer um dos estúdios. [Carece de fontes?] Este foco em quadrinhos estúdio não aumentou quando Valentino assumiu o papel de editor de imagem, assumindo muitas das responsabilidades detidas pela Marder até que ele deixou a empresa em 1999. Em fevereiro de 2004, Larsen substituído Valentino como editor, em grande parte continuar as práticas de negócio existentes. Larsen deixou o cargo de editor em julho de 2008 e diretor-executivo Eric Stephenson foi promovido para a posição [15].

Logo após a nomeação de Stephenson, Imagem adicionou um novo parceiro. Robert Kirkman, cuja preto e branco da série The Walking Dead surgiu como uma série de longa duração e popular, e cujo Invincible se tornou uma das séries mais longa com uma série de super-herói recém-criado nos últimos anos, se tornou o primeiro parceiro, acrescentou desde sua fundação. [16] Em Julho de 2010 ele anunciou que iria criar uma marca sob a sua direcção, conhecido como Skybound [17].

A posição da empresa no mercado norte-americano direto diminuiu na primeira década dos anos 2000, contestada pela Dark Horse Comics e publicação IDW para o cargo de "editor terceiro maior", depois da Marvel e DC. [carece de fontes?] Em 2010, a maioria de títulos Imagem publica em um determinado mês são produções de estúdio não. Spawn McFarlane e títulos relacionados a sua linha de McFarlane Toys, impressão Silvestri Top Cow, e várias séries Kirkman permanecem um segmento substancial das vendas totais da Image. Savage Dragon Larsen continua como o mais antigo proprietário do título, criado por um parceiro da imagem. Valentino voltou a operar o seu próprio estúdio, com sua marca Shadowline.

Peter Pan Anime

File:Las aventuras de Peter Pan.JPG

As Aventuras de Peter Pan
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre
Ir para: navegação, pesquisa
Peter Pan não Boken
Las Aventuras de Peter Pan.JPG
ピーター パン の 冒険
(Pita Pan não Boken)
Gênero Aventura, Fantasia
anime TV
Dirigido por Takashi Nakamura
Yoshio Kuroda
Nippon Animation Studio
Rede TV Fuji, NHK
Original executar 8 de janeiro de 1989 - 24 dez 1989
Episódios 41
Anime e Manga Portal

http://pics.livejournal.com/hellosugah/pic/0028dy8z
Peter Pan não Boken (ピーター パン の 冒険, Pita Pan não Boken?, Lit. Aventuras de Peter Pan) é uma série de anime pela Nippon Animation, e dirigido por Takashi Nakamura e Yoshio Kuroda, que foi ao ar no Japão pela rede de TV Fuji entre 08 de janeiro de 1989 e 24 de dezembro de 1989. É uma adaptação do clássico romance de Peter Pan de James Matthew Barrie, e mediu um total de 41 episódios.

Era parte da World Masterpiece Theater, um popular programa de animação famosa pela Nippon Animation, que produziu uma versão animada de um livro diferente clássica ou a história de cada ano. O anime, enquanto o material adaptação do romance original, também adiciona inúmeros arcos da história original.

A série também foi posteriormente traduzido e lançado em diversas audiências internacionais em todo o mundo, incluindo vários países da Europa, África do Sul, América Latina e Sudeste Asiático.
Sinopse

O anime começa com Wendy tendo um sonho sobre Peter Pan salvá-la e ter uma luta de espadas com o Capitão Gancho. Wendy e seus dois irmãos, mais tarde no episódio, vá para a Terra do Nunca e Wendy se torna a "mãe" da Lost Boys. Ao longo da série, um romance floresce entre Peter e Wendy, como eles entram em combate com os piratas. A última metade da série ir para uma direção diferente do enredo original, e também introduzir um novo personagem (princesa Luna), que se torna uma parte importante dos últimos episódios.
[Editar] Antes da série

projetos de visualização resumos e fotos do personagem de Peter Pan foram lançados em revistas para promover a série. O design do personagem foi ligeiramente diferente do que quando a série foi ao ar. A sinopse da história tinha um enredo de Peter Pan e seus amigos roubar um mapa do tesouro dos piratas e foi em uma jornada para encontrá-lo.

Peter_Pan.jpg(800 × 600 pixel, dimensione del file: 84 KB, tipo MIME: image/jpeg)

Protagonistas

* Peter Pan-O herói da série. Ele é dublado por Noriko Hidaka. Na versão americana, Peter é dublado por Nika Futterman.

* Wendy Moira Angela Darling-O mais velho de três irmãos que voa à Terra do Nunca com Peter (seguido por seus irmãos). Ela é dublada por Naoko Matsui.

* John Darling-irmão de Wendy jovem, que está sempre se metendo em algum tipo de problema. Ele é dublado por por exemplo, Daily.

* Michael Darling-irmão mais jovem Wendy's, que mostra uma grande dose de coragem para sua idade. Ele é dublado por Nancy Cartwright.

* Princesa Luna, uma poderosa princesa da Luz, com um escuro e poderoso alter-ego. Ela é dublada por Maria Kawamura.

* Tiger Lily-Uma menina moleca indiana que John começa a se apaixonar. Ela é dublada por Candi Milo.

* A fada Sininho, e um dos companheiros de Pedro. Ela é dublada por Kath Soucie.

Os Garotos Perdidos
pôster japonês cobrir
The image “http://zuiyo.mints.ne.jp/sound-m5/CD-peterpan-l01a.jpg” cannot be displayed, because it contains errors.
* Curly-O líder dos Garotos Perdidos, durante a ausência de Pedro. Ele é dublado por Jeff Bennett.

* Leve-One of the Lost Boys, que é um inventor. Ele é dublado por Jason Marsden.

Biriba-* Um dos Garotos Perdidos. Ele dispara acidentalmente Wendy truques para baixo quando Tink ele atirando nela. Ele é dublado por Alanna Ubach.


Antagonistas

* Captain Hook - O vilão principal, e líder dos piratas, que tenta seu mais duro para derrotar Pedro. Dublado por: Ōtsuka Chikao
* Smee - Um velho pirata que serve sob o Capitão Gancho, mas é muito bom para ser um pirata. Dublado por: Kenichi Ogata
* Bill - O líder dos piratas quando Hook não está por perto, e um dos mais fortes. Dublado por: Gori Daisuke
* Alf - Mais um dos piratas do Capitão Gancho. Dublado por: Genda Tesshō
* Starky - Um pirata covarde. Dublado por: Masato Hirano
* Robert - Pirate no comando da artilharia Hook. Dublado por: Futamata Issei
* Cecco - Pirate muito bem treinados no uso de facas. A menor pirata. Mais tarde, ele trai o Capitão Gancho. Dublado por: Yamadera Kōichi
* Princesa Luna (forma escura) - escuro e poderoso alter ego Princesa Luna. Dublado por: Maria Kawamura
* Sinistra - A Rainha da Escuridão, que serve como o principal antagonista mais tarde na série. Ela tem três capangas que ajudá-la. Dublado por: Kyōda Hisako

Outros

* Crocodile - Quando Peter Hook lutado há muito tempo, este crocodilo comeu mão direita Hook. Desde então, ele foi tentar comer o resto dele. Isso também aconteceu com crocodilo havia engolido um relógio, que é a causa do som do relógio que o acompanha.


A série usa duas músicas tema. A música de abertura é chamado de "Mōichido Pita Pan [もう一度 ピーター パン] (Novamente Peter Pan", ea música de encerramento é chamado de "Yume yo Hirake Goma! [夢 よ 開け ゴマ!] (I Dream, Abre-te Sésamo!)". Ambos músicas são cantadas pela cantora japonesa, Yuyu.


Ligações externas

* As Aventuras de Peter Pan no Internet Movie Database
* As Aventuras de Peter Pan (anime) na enciclopédia Anime News Network


As Aventuras de Pinóquio

http://www.sagayanimes.com/images/PINOQUIO.JPG



Kashinoki Mokku (Mock, the Oak Tree)/As Aventuras de Pinóquio é um anime baseado no conto Pinóquio de Carlo Collodi, produzido pela Tatsunoko Studio (a mesma de Guzula, Speed Racer, Abelhinha Hutch e Samurai Pizza Cats). A americanização ficou nas mãos da Saban Entertainment (criadora dos Power Rangers). O desenho passou na Rede Tupi; na Rede Record; no SBT, no Programa do Bozo, Show Maravilha e em outros programas desta emissora; e na Rede Globo[carece de fontes?], na TV Colosso e no Sessão Aventura.

Enredo

A história começa quando Gepeto, o vovozinho marceneiro que vive solitário, deseja ter um filho para lhe fazer companhia, então ele talha em madeira um boneco de um tronco de uma árvore mágica. A Fada do Carvalho mágico dá a vida ao boneco e promete que se ele for uma boa pessoa e provar que tem um bom coração será transformado em um ser humano futuramente. Para lhe ajudar apresentou-lhe o Grilo Falante, que atuava como a consciência de Pinóquio. Entretanto o boneco raramente o ouve e acaba sofrendo as piores consequências. Pinóquio era extremamente ingênuo, por isso era facilmente influenciado por más companhias e, de um jeito ou de outro, sofria alguns riscos de vida. Quando sua consciência pesava, Pinóquio acabava mentindo para o vovozinho, embora a Fada do Carvalho tenha o avisado para que não contasse mentiras, senão seu nariz cresceria.

O drama

A vida de Pinóquio se torna terrível quando aparece um dono de circo que sobrevive explorando tudo que possa significar novas atrações para seus espetáculos. Auxiliado pela raposa Ladinólio, a doninha Vadinólio e seu cão de guarda, o vilão aprisiona Pinóquio e tenta escravizá-lo para exibição em seu circo ambulante.

O desenho da Tatsunoko Productions era de forte apelo dramático e, por vezes, aterrorizante, enfatizando o sofrimento do boneco de madeira, que vivia lamentando para seu vovozinho que ninguém queria brincar com ele por não ser um menino de verdade. Era triste ver que Pinóquio transformava em alvo de risadas; mas extremamente triste foi em um dos episódios no qual Pinóquio tem seus pés e parte da perna consumidos por fogo; em outro episódio igualmente depressor, Gepeto leva uma surra de vara de piratas. Isso sem contar os episódios onde apareciam bruxas, vampiros, monstros e seres diabólicos que também invadiam a vida do azarado boneco.

Final feliz

No episódio final a Fada do Carvalho realiza o desejo de Pinóquio de virar um menino de verdade, onde ele corre atrás da Fada chamando-a de mamãe. Neste mesmo episódio Gepeto, que no capítulo anterior havia morrido, foi salvo pela Fada do Carvalho.

Impacto

Houve protestos de famílias contra o desenho e até um boato nunca comprovado[carece de fontes?] de que uma criança havia se matado após assistir o desenho.

Guia de episódios

http://www.minhainfancia.com.br/imagens/desenhos/aventuras_pinoquio.jpg

  1. O Boneco Vive!
  2. Eu Não Quero Ser um Boneco
  3. Ouça o Seu Pai!
  4. Em Quem Eu Devo Acreditar?
  5. O Que É um Coração?
  6. Minissérie Diabo Vivendo na Minha Mente
  7. A Bruxa Está Chamando
  8. Eu Sou um Homem Demônio Comovente
  9. Quando o Meu Nariz Cresce
  10. Eu Quero Conhecer o Amor Materno
  11. Eu Não Quero Voltar a Ser Enganado
  12. Eu Tenho Sonhos Também
  13. Minha Árvore do Carvalho Continua Aqui
  14. 3 Limbos Também Estão Vivos
  15. Por Favor, Sr. Macaco, Me Ensine
  16. Minhas Espereanças Estão Voando
  17. Bonecos São Também Especiais
  18. Minissérie Não Perca o Violino Mágico!
  19. O Tesouro Encontrado
  20. A Despedida do Professor da Tristeza
  21. Vamos Plantar a Árvore de Dinheiro
  22. minissérie O Sonho Que Desapareceu Com as Sereias
  23. Não Morra, Vovozinho
  24. Obrigado Por Meu Coração Alçar Vôo
  25. Minhas Pernas Estão Enraizando!
  26. Fique Na Frente dos Traficantes Montanheses!
  27. Eu Não Sou um Pierrô!
  28. Fuga Para a Liberdade
  29. A Despedida do Navio Com Destino ao Continente Negro
  30. Os Brinquedos Ficam Raivosos Também!
  31. Eu Sou Mock, o Filho de Deus!
  32. Monstro Protegendo a Cova Para Sempre
  33. Minha Magia é Bravura e Sabedoria
  34. Jogue Fora Seus Pesadelos no Deserto!
  35. Estou Enjoado do Circo
  36. Voe, Bolha! Para Minha Velha Casa
  37. Transe o Mestre do Picadeiro Comedor de Fogo
  38. Levante-se, Gênio da Grande Árvore
  39. A Despedida da Bruxa
  40. Explosão da Fortaleza Mortífera
  41. Incêndio!
  42. Descanse Em Paz, Mulher das Neves
  43. Temporada de Caça
  44. Todas as Árvores São Minhas Amigas
  45. Confronto Com a Fúria de Netuno
  46. A Explosão da Ilha Infernal
  47. Ressucite, Ilha Infernal
  48. O Sino Vespertino dos Anéis da Tristeza
  49. Sonhando Sob a Estrela Brilhante

1. The Alive Doll(THE PUPPET IS ALIVE) 2. I Do Not Want To Be A Doll(I DoN't Want To Be A PUPPET) 3. Charly Is Jealous(MIND YOUR FATHER) 4. The Rescuer In The Emergency(WHO CAN I TRUST?) 5. A Heart For Pinocchio(WHAT´S A HEART?) 6. Take You Before Witches In Eight(BEWARE OF WITCHES - PART 1) 7. Over Courage Does Rarely Well (BEWARE OF WITCHES - PART 2) 8. Paradise(PLEASURELAND) 9. The Charm Ring(THE MAGIC KING) 10. Lies Have Short Legs(não encontrada ) 11. Nut/Mother Love( não encontrada ) 12. Everything Against Pinocchio(não encontrada ) 13. Pinocchio Is Falls In Love(não encontrada ) 14. The Fight Of The Charm Oak( não encontrada ) 15. Pinocchio Saves The City(não encontrada ) 16. Ape Business( não encontrada ) 17. The Stork Princess( não encontrada ) 18. From Poor Mach Richly( não encontrada ) 19. The Charm Violin(THE MAGIC VIOLIN) 20. The Glorious King(GREEDLY KINGS ARE EVIL KINGS) 21. The Treasure Of Utopia ISLAND 22. The Miracle Doctor(THE SORROWFUL STRANGER) 23. The Money Tree (the money tree) 24. The Sea Virgin And The Pirate( THE MARMADES AND PIRATES) 25. Pinocchio, The Pirate (I´LL BE A PIRATE) 26. The Herb (THE SNAKE WILL THREE HEADS) 27. Pinocchio Flies(I WANT TO FLY) 28. The Source Of Charm(NOBODY CAN SAVE ME NOW) 29. Pinocchio, The Hero Of The City(CAPTURED BY BANDITS) 30. Pinocchio, The Clown(BE A CLOWN) 31. The Escape Failed(FIND PINOCCHIO) 32. In Last Minute(LOST AT SEA) 33. The Puppetmaster(PINOCCHIO SAVES THE DAY) 34. Pinocchio, Envoy Of The Gods(SOPHIA SEES) 35. The Friend Of The Other Star(THE GUARDIAN OF THE TOMB) 36. Pinocchio Can Charms(THE PRINCESS AND THE DRAGON) 37. Pinocchio, The Richest Man Of The City(FILTHY RICH) 38. Pinocchio Does Not Give Up (YOU MUST BE BRAVE, PINOCCHIO!) 39. Also Dolls Can Fly( OVER THE SEA IN A BALLOON) 40. Pinocchio Loses The Courage( DOWN WITH SNEEROFF) 41. The Mountain Spirit(THE EVIL SPIRIT ) 42. The Dream Man( DREAM MAN!) 43. Pinocchio Becomes A Soldier( THE FORTRESS OF DOOM ) 44. Pinocchio, The Life Rescuer( A FREEZING SNOWSTORM ) 45. The Snow Witch (AVALANCHE! ) 46. Pinocchio Is Looked For(GUNNER) 47. Also Plants Are Organisms(HOW MANY PINOCCHIO´S ARE THERE) 48. However Against The Monster(FURY OF THE SEA DEVIL) 49. The Devil Island(Devil Island) 50. Country In View(THE FIRE MONSTER) 51. Sad Christmas(A SAD CHRISTMAS EVE) 52. The Miracle Flower(FLOWERS IN THE SNOW)

http://www.acervoclube.com/images/pinoquio_japones.jpg

Dubladores brasileiros

Ligações externas

Zatara

File:Zatara Action Comics no 1.jpg
Primeira aparição em Action Comics # 1, onde Zatara, muitas vezes - mas não exclusivamente - usado para trás da fala para realizar sua mágica.
Publicação informações
Editora DC Comics
Primeira aparição Action Comics # 1 (Junho 1938)
Criado por Fred Guardineer
Na informação da história
Alter ego Giovanni "John" Zatara
Espécie Homo Magi
afiliações de equipa All-Star Squadron
Black Lantern Corps
Habilidades podem usar magia, falando o efeito desejado para trás.
File:ZataraDC.jpg

Giovanni "John" Zatara é um personagem fictício do Universo DC. Ele apareceu pela primeira vez em Action Comics # 1 (Junho 1938), e foi criado pelo escritor e artista Fred Guardineer. Ele é um mágico que também pratica a magia real. Casou-se com Sindella, um Homo Magi, e eles têm uma filha, Zatanna, que, como seu pai, é tanto um mágico de palco e um mágico real.

biografia personagem fictício

John Zatara é apresentado como um mago em várias publicações da DC Comics, começando com 1938's Action Comics # 1, que contém também a primeira aparição do Superman. Tal como o Mandrake muito semelhante ao mago, Zatara tinha um grande indiano como um amigo e guarda-costas, chamado Tong, para compartilhar suas aventuras cedo.

Para além de ser um ilusionista, Zatara também tinha poderes mágicos genuína (décadas mais tarde a ser atribuída a um descendente do Homo Magi), que se concentrou, através de palestras para trás: ele poderia fazer qualquer coisa contanto que ele poderia descrevê-lo em hceeps sdrawkcab (" trás para frente "). Isso ajudou a distinguir Zatara do Mandrake inúmeras as imitações mágico que ocupavam as histórias em quadrinhos e celulose revistas do [carece de fontes?] Dias, apesar de Merlin, o Mago (Quality Comics) também tinha esse atributo, e também foi dado a ele pelo criador Zatara, o Fred Guardineer [carece de fontes?].

Seu amor pela magia começou cedo, quando ele recebeu um kit de mágica por seu tio, ele próprio um ilusionista profissional. Embora ele começou a aprender o ofício na infância, seus primeiros esforços em realizar profissionalmente foram infrutíferas até que ele percebeu que precisava para trabalhar em seu carisma.

Suas lições de magia foram reforçadas através de visitas desde o Vingador Fantasma, e ele tinha um relacionamento sexual com Madame Xanadu, mas ela se recusou a casar com ele porque ela viu o seu futuro [1].

Para esse fim, ele desenterrou velhos diários de Leonardo Da Vinci, que era um antepassado direto. Ao ler os diários, que Da Vinci escreveu na ortografia para trás como uma precaução de segurança, Zatara aprendi que sua família tinha o comando da magia. Ele descobriu isso, inadvertidamente, quando ele acidentalmente deu um comando a um manequim para começar um braço acenando freneticamente. Zatara percebeu que poderia comandá-lo a parar, dando a ordem em contrário ortografia.

Com este novo conhecimento, Zatara desenvolveu um programa de sucesso. Durante a estréia, deflagrou um incêndio no palco, forçando Zatara para usar o seu comando de verdadeira magia para colocá-lo para fora. Enquanto o público confundiu o incidente como parte do ato, Zatara percebeu que este poder pode ser valiosa para ajudar as pessoas e resolveu usá-lo como tal, entre os shows.

Busca de Zatanna

Zatanna, a filha de Zatara a partir de uma mãe Homo Magi [2], foi introduzido em um cruzamento de várias em que ela tentou encontrar o seu pai, e ele tentou detê-la a cada momento, porque ele sabia que a magia havia sido colocada sobre os dois que faria com que ambos morrem, se viram uns aos outros. Ele havia sido preso na terra de Kharma por uma feiticeira chamada Allura, a quem ele tinha presa na espada de Paracelso. Allura acabou por ter um irmão gêmeo bom, também chamado Allura, que a obrigou a retirar o feitiço.

Morte

Após a conclusão do "American Gothic" de Alan Moore enredo em Swamp Thing (que estava amarrado com os acontecimentos de Crise nas Infinitas Terras), John Constantine vem para obter Zatanna, Mento e Sargão, o Feiticeiro de se unirem para ajudar as forças demoníacas e divinas em outras dimensões batalha infernal a entidade conhecida como o "Grande Besta do Mal '. Uma vez que Constantino já havia tomado Zatanna para uma "reunião de estudos tântricos", Zatara Zatanna não vai deixar fora de sua visão com a presença de Constantino, e por sua presença, obrigado a tomar parte na sessão para a qual ele não foi convidado. The Beast, que é tão alto seu polegar só paira sobre o inferno, toma conhecimento do seu grupo por duas vezes. O primeiro vislumbre condena Sargon, quem Zatara convence a "morrer como um feiticeiro" e não quebrar a realização de mãos. Sargão queima até a morte com nobreza. O segundo olhar literalmente esquenta Zatanna. Zatara vontade toma o efeito em si mesmo, morrendo, mas poupando a vida de sua filha.

problemas Afterlife

Desde então, ele tem feito aparições esporádicas em vida após a morte, inclusive ressuscitando Mason O'Dare em Starman # 80, e os Sete Soldados: minissérie Zatanna. No reinado de Hell mini-série, Zatara é parte de um movimento de resistência geral de funcionamento no Inferno. Ele está preso em vários conflitos e é morto pela segunda vez no inferno por um Lobo furiosos. Tal como acontece com a maioria dos "mortos", ele se arrisca a tornar-se alimento para o inferno, um tormento que a physicallity dos condenados é utilizado para os recursos gerais, tais como material de construção. Ao manipular o seu sangue para formar palavras, ele pergunta Zatanna consignar sua alma para o "abismo", um reino do inferno não pode prejudicar. Zatanna faz isso, atormentado que ela deve agora destruir a essência de seu pai [5].

Seu sobrinho, Zachary, agora usa o nome Zatara como um mágico, indo tão longe, no futuro alternativo do cronograma Amanhã Titãs, o modelo de sua aparência física e getup heróica nas roupas vintage e aliciamento de seu falecido tio.

Em Liga da Justiça da América vol. 2 # 39-40 tie-in para o crossover Blackest Night, Zatara foi reanimado como um membro da Black Lantern Corps, pronto para atacar sua filha, Zatanna na Sala de Justiça. Zatanna é sucesso em banir o Lanterna Negro, mas ficou psicologicamente esmagado de ter que matar o pai dela (depois de vê-lo morrer antes)
utras versões

Outra Zatara foi destaque em um papel coadjuvante na minissérie O Reino do Amanhã e sua continuação, O Reino. Este Zatara é o filho de John Constantine Zatanna e mágico, que faz dele o neto do original. Ele é descrito como "o sucessor de Harry Houdini-juvenil como para a linhagem de super-herói mágico." [Carece de fontes?] Ao invés de falar para trás só para seus feitiços, no entanto, ele faz isso o tempo todo, o que irrita seus colegas não [final 7].

Em outras mídias



Televisão
Zatara em Batman: The Animated Series

* A representação de uma transmissão Zatara estava em um flashback em Batman: The Animated Series "Zatanna" voz de Vincent Schiavelli. Zatara treinou Bruce Wayne como um artista de escape. Zatara já morreu, de circunstâncias não especificadas, no momento em que o episódio ocorreu. Zatara também é mencionado por Batman como seu mentor em ventriloquismo, no episódio "Read My Lips".

* Zatara é mencionado várias vezes por sua filha no episódio de Smallville "Hex". Nesse episódio, sua filha, Zatanna tenta trazê-lo de volta à vida com uma magia, mas para fazer isso, ela deve sacrificar uma vida, que ela pretende ser ela própria.

* John Zatara aparece no "Justiça Jovem" série dublada por Nolan North. Ele aparece como uma das lista de 16 membros da Liga da Justiça nesse show. Ele faz uma breve aparição em "Independence Day" informar o resto do campeonato que Wotan está tentando apagar o sol. Em "Fireworks", ele estava com o resto da Liga da Justiça, quando chegaram ao prédio Cadmus após a derrota da Blockbuster.

Diversos

* Além disso, no concurso de Monsoon dos desenhos animados, Zatara apareceu na entrada Zatanna como o pai frustrado da personagem-título. A história foi definido durante a adolescência de Zatanna e tomou certas liberdades.

* Zatara é mostrado em um cruzamento em quadrinhos Batman Aventuras de Superman Adventures. As duas histórias em quadrinhos mostram Batman e Superman em busca respectivos amuletos vermelho e azul de propriedade da Zatara que abriam caminho para uma outra dimensão. Os quadrinhos também mostram um flashback de um adolescente de Bruce Wayne e Clark Kent ambos procuram aulas de magia de Zatara, embora nem entrar em contacto uns com os outros, mas ambos usam o pseudônimo "John Smith".


Evolver






Sobre EVOLVER
A suposta guerra ter terminado há um ano reacende como soldados em Evolver battlesuits confronto com os aliens Efreet, shapeshifting inimigos empenhados na conquista do Japão e do mundo. Os heróis devem liberar todo o seu poder para ter sucesso, mas a que custo?!

Evolver é um tokusatsu original série de ação sci-fi de energia produzida por West, o planejamento da selva e da empresa conteúdos. É o primeiro de vários filmes planejados para a nossa linha de produtos Gaion Label.

Especial Evolver efeitos, computação gráfica, desenhos mech, música e astros convidados estão alguns dos melhores até à data na comunidade cinematográfica japonesa crescendo independente!








Encontrando-se em todos os tipos de problemas Efreet são 19 anos de idade, a atriz e rainha Riko Komura raça / atriz Mayuko Maruoka como Evolvers Rei e Fubuki, respectivamente. Opondo-los e os homens Evolver são vilões convidado especial estrelas Takashi Hagino (o ator sensacional, que interpreta o menino-mau Takeshi Asakura em Kamen TV's Rider Ryuuki) e Adachi Rieko (de Heisei era Ultra Seven série) que desempenham o Efreet líderes Shirou e Maya . Takeshi Kusao (anime dublador de Trunks Dragon Ball, Lamuness de NG Knight, e Parn de Lodoss) também camafeus e canta a música-tema Evolver!

Os DVDs são Evolver código da região-livre e incluem legendas em Inglês para os fãs fora do Japão. Todos os três volumes estão Verão de 2004 lançamentos.




Riko Komura


A História
Quem ou o que são os alienígenas atacando a Terra, e como era a tecnologia Evolver devoloped?
Leia mais para uma breve história do conflito Efreet Evolver /.
Resumo Backstory

1996


Japão e outras nações criação do Instituto Vader, um grupo de trabalho internacional cuja primeira missão é decifrar um misterioso artefato alienígena que tinha sido descoberto. Incorporando overtechnology adquirida a partir do estranho artefato, o instituto começa o desenvolvimento do E-dispositivo, uma ação de combate powered que, embora incompleta, que esperamos venha a servir como uma arma eficaz contra-alienígena.

A ação de combate dispositivo electrónico combina armadura liga ultraleves e nanomáquinas impulsionado por uma fonte de energia inexplicável. Aqueles que equipar o dispositivo são codinome Evolvers.

Alguns poucos anos depois que a pesquisa começou Vader, invasores misteriosa conhecida como Efreet chegar e começar uma invasão aparente da terra. Assim ameaçados, o Instituto Vader E corre o dispositivo em produção em massa, rapidamente seleciona e treina recrutas, e despacha equipes de Evolvers para regiões ao redor do globo para interceptar ataques alienígenas.

Um ano para a guerra, a batalha final da invasão Efreet começa quando a nave-mãe alienígena chega de repente nos céus do Japão ...

EVOLVER CRONOGRAMA

2003


1994
desenterrar archaeoligists japonês uma OOPArt misterioso (out-of-place artifact). Depois de estudar o achado, os líderes da Terra anunciar a existência de vida inteligente fora da Terra. Que a vida intellegent pode realmente representar uma ameaça para a humanidade, no entanto, é mantido secreto. Japão e outras nações secretamente encontrou o Instituto Vader para estudar o artefato e tomar medidas para proteger a Terra da invasão alienígena.


1996
Energia vajra fonte é sucesso reacendeu. Uma anomalia genética rara no DNA dos membros Vader Dan Kuroki, um japonês de Auto-Defesa de transferência de força, de algum modo introduzido a reação. Apesar de instável, a energia apresenta potencial quase ilimitado. Análise do artefato alienígena conclui e pesquisadores de engenharia reversa da unidade e iniciar a construção de um modelo experimental de uso humano: um protótipo E-Device.

1998
As Nações Unidas decidem os esforços do Instituto Vader não justificam um investimento tão grande, e votar para encerrar a operação. Os governos da terra decidem não há risco de uma invasão alienígena.


2001
alienígenas hostis chamado Efreet começam a invasão da terra, suas intenções e origens desconhecidas. Com os exércitos da Terra está lutando uma batalha perdida para proteger a população dos saqueadores cels de Efreet, a ONU pede um voto de emergência para restaurar o Instituto Vader. Vários meses depois do lançamento do modelo E-dispositivo está pronto e começa a busca por candidatos com o genoma rara necessário dotar o dispositivo e tornar-se Evolvers.

2002
No Japão, os quatro candidatos - Fubuki Aoyama, Ryu Midorigawa, Rei Shiratori, e Go Kizaki - são descobertos e uma formação abrupta, juntando-se Dan Kuroki para se tornar o time japonês Evolver. Praticam o Efreet em batalha logo depois.


2003
mothership Efreet Farrak emerge no espaço aéreo japonês, mas a batalha termina em uma vitória decisiva da Terra. Ryu Midorigawa cai em combate e Dan Kuroki está gravemente ferido, mas o ataque kamikaze de Ir Kizaki destrói completamente Farrak. Kizaki corpo nunca é recuperado. A Primeira Guerra Interestelar termina com a destruição Farrak, e as Nações Unidas se desfaz mais uma vez o Instituto Vader e classifica a sua existência.
















◆2/9(撮影8日目)のイヴォルバー撮影記録◆






撮影の合間になかよく休憩中の零と號。
余談だが號が見せる福山雅治のマネは似ているのであった。










999の鉄郎もしくは鳥山明の自画像ばりの
マントに身を包み神妙な表情の號。
何かを思い詰めているのか、ただただ寒いだけなのか
微妙なのであった。



ダイディなムードを漂わせての登場の弾。
日本で最初のイヴォルバーでもある。
彼の望みは自分の周りの人間の幸せという
ナイスガイだ。









メガネ姿も凛々しい零。
そのレンズの向こうには何が見えているのか。
暗闇から突如現れたイヴォルバー。
何かを追跡中の様子なのであった。


2004
Ainda se recuperando da guerra alienígena, Japão confirma mais uma vez a atividade Efreet e alerta o Evolvers poucos que ainda estão prontos para o combate. O público é inquieto e circulam rumores de um novo tipo de Efreet que podem imitar a forma humana.